quarta-feira, 1 de fevereiro de 2006

Soundtrack: Milton Nascimento, "Travessia"


"The next time you look into the mirror, just look at the way the ears rest next to the head; look at the way the hairline grows; think of all the little bones in your wrist. It is a miracle. And the dance is a celebration of that miracle."
-Martha Graham


Ganhei minha vida de volta.
Me senti em casa e me senti... chega a ser assustador (da maneira mais linda de todas, claro) o quanto eu amo a dança, e o quanto eu estou disposta a fazer tudo para respirá-la cada vez mais.
Mais que nunca, além de um estilo de vida é a minha maior prova de amor próprio.
Eu estou feliz. Realmente feliz.
Embora eu pensasse que poderia contar tudo isso a muito mais gente agora. Embora uma parte de mim ainda deseje isso por demais...
Não importa.
Por enquanto o amor próprio me basta.

3 comentários:

Joaquim Amândio Santos disse...

cantas odes à tua dança tal como os lobos uivam à lua, padroeira dos seus cânticos.
eis a harmonia. tua. porque mereces.

otavio disse...

ow, olha só... eu preecciiiiso saber o q tah acontecendo na sua vida, kirida! t achei com uma voz tao triste ao telefone akele dia... aiaiai... to com uma intuição akiii

rosane disse...

Olá minha querida, isso mesmo, faça da dança o ar que respiras, quando amamos alguma coisa, devemos abraçá-la e nos dedicar muito a ela. O retorno é sempre prazeroso.Bjssss.