quarta-feira, 2 de março de 2011

"amor é roxo.

de amoras não, de dor"
Mas é que se soprar fica resquício de amarelo de felicidade...





- Pelo seu cheiro e carinha de menina levada. Em segredo.

2 comentários:

N. disse...

Calma, filhota...dor de amor é algo que nem perder a virgindade. TODO mundo uma hora passa por isso. É foda...eu sei...Te adoro moleka.

Origami disse...

Que todas as cores das coisas boas do amor possam cicatrizar a sua dor.
Pra ser de verdade tem que ser uma aquarela, poucas cores não bastam!